Europa parte 1 – Aeroporto de Schiphol

Standard

Olá WordPress, quanto tempo hein? Praticamente uma gestação, 9 meses e muito aconteceu de lá pra cá. Mas com certeza o auge dessa “gestação” foi a viagem pra Europa que fizemos em setembro. Nossa primeira viagem de muitas outras por vir.

Foram 17 dias, visitando 4 cidades : Amsterdã, Paris, Antwerp e Londres. Todas muito diferente uma das outras, diferente línguas, diferente culturas, diferentes rostos, atmosfera, arquitetura.

O vôo saiu de Sydney, fez uma escala em Guanzhou na China e depois foram 11 horas de muita ansiedade até desembarcar no Aeroporto Internacional de Schiphol, principal entrada de Amsterdã. Schiphol é um dos melhores aeroportos que já vi. Foi eleito o melhor aeroporto da Europa em 2007. É um aeroporto limpo, cheio de entretenimentos, com funcionários e oficiais educados e falam Inglês, boa comida e wi-fi. Oquê mais se espera de um aeroporto? Como o D/ disse : Schiphol lembra um shopping, com muitas lojas, cafés, 5 minutos andando pro hotel, e muita arte contemporânea pelo caminho.

Depois que vc sai da alfândega, dentro do Schiphol Plaza tem uma loja bem legal de souvenirs da KLM (companhia aérea dos Países Baixos) com algumas partes de um avião em tamanho real.ImagemTambém tem floricultura (onde dá pra comprar sementes de das internacionalmente famosas- tulipa ) , Burger King, Starbucks, H&M, HEMA, Victoria’s Secret, Body Shop, Esprit, supermercado, adega, perfumaria, farmácia, loja de celulares, etc.

Na parte de cima do aeroporto tem um parque pra crianças e mais restaurantes com área de fumantes. Também tem uma área de observação aberta onde dá pra ver os aviões pousarem e decolarem. Nessa área tem um verdadeiro Fokker 100 em exposição, com entrada gratuita. Ótimo pras crianças e pros marmanjos e amantes das dessas pequenas máquinas.

Imagem

Tem trens que saem do Aeroporto pro centro de Amsterdã a cada 10-15 minutos por 3.80 Euros. A viagem leva 20 minutes e os trens saem da plataforma 1, 2 e 3 na parte subterrânea do aeroporto.

Imagem

Imagem

Imagem

ImagemImagem

  • Amsterdã fica 6 metros abaixo do nível do mar e com Schiphol não poderia ser diferente. Schiphol é o aeroporto mais baixo do mundo, localizado a 3.4 metros abaixo do nível do mar.
  • A torre de controle tem 101 metros e foi considerada a mais alta quando construída em 1991
  •  Schiphol e 4º mais movimentado aeroporto de passageiros da Europa e 16º do mundo

No geral a nossa primeira experiência de Holanda, ou de Europa não podia ter sido melhor. O Citizen M Hotel fica à 5 minutos do aeroporto e é super conveniente. Schiphol faz a viagem de qualquer passageiro muito mais interessante e confortável. E isso foi só só uma parte do capítulo EUROPA.

Advertisements

O sapo palhaço

Image

20130206-093421.jpgn This is the Costa Rican variable harlequin toad (Atelopus varius), also known as the clown frog (in spite of the fact that it is a true toad). They once ranged from Costa Rica to Panama, but are now listed as critically endangered and reduced to a single population in Costa Rica. 
The variable harlequin toads conspicuous colouring serves as a warning to predators of the toads toxicity.

bula bula, fui pra Fiji

Standard

Sem dúvida que morar em diferentes partes do mundo facilita o deslocamento pra outros países.

Foi assim quando estava no Japão. Do Japão conheci China, Tailândia e Austrália, agora nada mais justo que explorar a Oceania e Pacífico. Na minha lista tem Nova Zelândia, Indonésia, Havaí e algumas ilhas tropicais entre essas ilhas, Fiji.

A Jet Star, compania aérea de baixo custos fez uma liquidação de passagens 5 meses atrás. Fiji por $149, então ida e volta mais taxas deu $354. Uma pechincha pra conhecer um dos mais visitados paraísos tropicais do mundo. Pra ser sincero, minha vontade era de ir pra Bali, dormir num quiosque barato, acordar, abrir a janela e ver aquele mar verde e aquela areia branca, ficar bêbado em algum barzinho barato com outros backpackers, comer algumas coisas estranhas na rua e fotografar. Mas de volta a Fiji.

A capital de Fiji, Nadi (le-se Nandi) deve ter uns 50 mil ou 100 mil habitantes. Não é grande , mas tem bastante gente circulando nas ruas , principalmente indianos . O mar de Nadi não é bonito e as praias tão pouco. Meu conselho e pra quem vai pra Fiji não perca tempo na capital e fuja para uma das dezenas de ilhas que existem por lá. Nadi é bom pra shoping, comprar souvenirs e pronto.

Chegando no Aeroporto de Nadi, dava pra sentir o cheiro da água do mar e a humidade. Fiji está perto da linha do Equador, então espere  humidade e mar morno durante todo o ano. Logo no duty free do aeroporto comprei uma garrafa de Bacardi pela metade do preço de uma bottle shop em Sydney. Aconselho! Pra quem vai alguma ilha, compre as bebidas e cigarros do duty free, já que os cocktails nas ilhas são bem mais caros.

Fomos pra  Ilha de Mana, 15 minutos de avião  teco teco e 1hora e meia de ferry. A vista de cima do avião é linda, se vc for detalhista como eu vai ver raias, tartarugas e até tubarões nas águas cristalinas do mar.  Mana é uma das maiores ilhas de Fiji, mas não se empolgue pois uma volta ao seu redor deve levar umas 5 horas.

Primeira vez que fiz snorkeling na minha vida e amei. A melhor praia para snorkeling é com certeza South Beach de frente as piscinas. Dá pra ver os corais e todos aqueles peixes tropicais cheio de cores que eu via nos livros que meu irmão mais velho tinha em casa. Meu irmão tinha um aquário enorme em casa e era cheio de livros sobre o assunto. Fiquei tão empolgado com o snorkeling que decidi fazer um mergulho em águas não muito profundas (10 metros). Mas eu meio que pirei com as instruções do instrutor, cheio de advertências. Tem gente que morre fazendo mergulho, acredita? Meu primeiro mergulho não foi bem como eu esperava, afinal 20 minutos de instruções e depois cair na água pode ser normal pros outros mas pra mim não foi. Desde quando alguns minutos de instruções capacita vc a ser um “mergulhador”. Enfim, adorei a experiência mas quero mergulhar mais vezes pra ganhar confiança.

Pra quem procura agitação em Mana vai se desapontar. Eu que sou fã de grandes cidades e suas arquitetura já estava cansado da boa vida no 4 dia. Mas pra quem procura belas praias, mar azul e cristalino e principalmente paz, Mana é o lugar.