Intercâmbio de filmes

Standard

Esse final de semana resolvi fazer algo diferente…rs. Resolvi ficar em casa, com meu bebe, assistindo os filmes favoritos dele e ele os meus. É um maneira legal de nos conhecermos.

Da lista dele assisti Xanadu, de 1980. Um musical gravado em LA, com Olivia Newton-John ( australiana de Melbourne)

Image

Um filme bem oitentista. Com muita música, cores, patins e pista de dança. Pra quem gosta de filme dessa época, é um prato cheio. Eu particularmente não gosto dos anos 80, mas não tive nenhum diarréia em ver o filme. Ao contrário, até gostei e assistiria de novo. A trilha sonora feita pela Olivia Newton John é imperdível.

Da minha lista, um dos meu filmes favoritos foi Amelie. Um filme francês, dirigido por Jean Pierre Jeunet. Galomaníaco convicto, amo tudo que diz respeito a França e sua cultura. Aqui Jean Pierre traz uma overdose de França, de personagens, dando enfâse aos pequenos e simples detalhes. Eu amo esse filme!

a single man

Standard

essas horinhas no cinema é uma das coisas que me dá mais prazer. Até que ando bastante ativo nessa área. Consegui ver Precious, Avatar . Tentando arranjar tempo pra ver Alice in Wonderland, mas não vou perder de jeito nenhum A single Man. Vi o trailer quando assisti ao Precious e já fiquei admirado de cara. Juliane Moore está belíssima, fora que o figurino e a direção de imagens me deixaram boquiaberto. O trailer aqui, produzido por Tom Ford.

head On (1998)

Standard

Digamos que Head On seja um filme ( nw gosto de usar essa expressão, mas é a única que me vem a cabeça agora )  alternativo. Head On é um filme australiano ganhador de vários prêmios e indicado a outros diversos.

O filme retrata como vive a comunidade grega na Austrália. O protagonista é Ari ( Alex Dimitriades ) um jovem gay com descendência grega que mora em Melbourne.  O filme é de 1998. O fato de ser antigo, não quer dizer  que o filme sejá cheio de “defeitos especiais” – porq tem uns filmezinhos da decada de 90 , sem comentários .

A imagem que tenho da comunidade grega é que seja uma comunidade de sangue quente – assim como os italianos e espanhóis – , família é prioridade, comida é ótima, raramente rola uma miscigenação.

No filme vc vai encontrar a delícia do Alex, cenas de sexo homo e hetero, drogas, violência enfim uma coisa bem underground. Oque já faz valer a pena. A cultura grega tbm é muito interessante, a figura da mulher, do irmão mai velho , os homens que dançam , achei sexy. Se bem que esse Alex ficaria sexy dançando qulquer coisa.